The O.C. | Guia da história


Logo da série estadunidense The O.C.
THE O.C. (no Brasil, The O.C. – Um Estranho no Paraíso) é uma série estadunidense exibida originalmente entre 2003 e 2007. A história gira em torno de Ryan Atwood, um jovem problemático, embora inteligente, que é preso por roubar um carro junto com seu irmão, mas acaba livre graças ao advogado de defesa público idealista Sandy Cohen.

Ele convida o jovem a ficar o fim de semana em sua mansão em Newport Beach, no Condado Orange (Orange County, o tal O.C. do nome do programa), na Califórnia. Entretanto, após descobrir que foi abandonado pela mãe, e também por Sandy se identificar com ele em sua adolescência, Ryan passará lá muito mais tempo do que isso. Kirsten, esposa do advogado, é a primeira a desgostar da ideia, temendo que suas atitudes afetassem seu superprotegido filho único, Seth, um sonhador apaixonado desde a infância por Summer Roberts, uma colega de escola que nem nota sua existência.

Ao lado dos Cohen mora Marissa Cooper, melhor amiga de Summer, que namora a estrela do polo aquático de sua turma e vive em um mundo de fantasia e luxo até seu pai, Jimmy, se envolver em um escândalo financeiro e perder tudo o que a família havia construído até então.

Ryan e Marissa se conhecem logo que ele chega a cidade e rapidamente sentem atração um pelo outro, embora muitos desafios tivessem que ser superados para que algum dia pudessem ficar juntos.

Este guia da história é um complemento à Observação postada neste blog.

BREVE ANÁLISE


Antes de começar o resumo da série, pretendo fazer alguns apontamentos.

The O.C. conseguiu criar uma legião de fãs ao mostrar uma sociedade rica, como muitas outras séries, mas o fez de maneira diferente, onde o mais valoroso era um dos princípios básicos da vida: respeito ao próximo. Todos que se vangloriavam de suas poses acabaram, de alguma forma, se dando mal.

As duas primeiras temporadas são emblemáticas e inesquecíveis para quem teve o prazer de assistir, muito por conta da densidade de informações e acontecimentos que surgem ao longo dos episódios. Não era estranho imaginar que parecia ter se passado bem mais do que os quarenta e cinco minutos da cada um deles.

O subtítulo dado a série no Brasil (Um Estranho no Paraíso) pode parecer irrelevante, mas cabe muito bem não a Ryan, mas a Marissa. A jovem é o exemplo do sofrimento que uma mãe pode causar a filha.

Infelizmente, a terceira temporada, focada principalmente na garota, passou a dar mostras de desgaste da fórmula. O próprio criador da série, Josh Schwartz, havia dito em uma entrevista que ao final da primeira temporada tiveram que quebrar a cabeça para pensar em novas histórias, pois todas que gostariam de ter contado já haviam sido usadas.

Interessante notar também a relevância que a música tem para a série, no momento em que isso desaparece há uma nítida queda de qualidade. Na quarta temporada, as atuações já parecem forçadas, como se os atores não quisessem mais estar ali, e a música também não chama mais tanta atenção (isso quando tinha).

The O.C. terminou com a impressão de ter durado mais do que quatro anos e mesmo sendo tão curta deixou um legado valoroso sobre como montar uma série de sucesso abordando a juventude.

Fiquem agora com os principais acontecimentos.

1ª TEMPORADA

Personagens da primeira temporada da série estadunidense The O.C.
Centrada, principalmente, no choque cultural sentido por Ryan após ser adotado pelos Cohen e passar a viver entre as pessoas ricas de Newport. O jovem cria uma relação de irmandade com Seth, ajudando-o a se libertar da timidez e, com isso, chamando a atenção não apenas de Summer, mas também de Anna, uma garota fã de quadrinhos e games como ele.

Sandy Cohen constantemente entra em conflito com Caleb Nichol, o pai de Kirsten e um rico industrial que se diz basicamente “dono de Newport".

Marissa Cooper tem que conviver com o divórcio de seus pais após ser descoberta a fraude feita por Jimmy. Ela ainda descobre que seu namorado Luke a trai constantemente e tenta se matar com uso abusivo de álcool e remédios.

Quando o casal protagonista começa a desfrutar de um romance, a garota passa a frequentar um psiquiatra onde conhece Oliver Trask, que tenta de todo jeito ficar com ela, ao ponto de tentar matá-la.

Julie Cooper, mãe de Marissa, casa-se com Caleb. Enquanto isso, Jimmy começa a namorar Hailey, filha mais nova do todo poderoso local.

Outro fato surge para atrapalhar o namoro de Ryan e Marissa, a chegada de Theresa Diaz, com quem o garoto teve um relacionamento no passado e com quem reata após a crise de relacionamento com Marissa. Ela engravida e eles decidem voltar a Chino, onde o jovem morava antes de ser preso, para cuidar do bebê.

Seth foge em seu barco e deixa Summer, a quem ele tinha preterido, por ter perdido seu único amigo.

2ª TEMPORADA

Personagens da segunda temporada da série estadunidense The O.C.
Ryan volta para Newport após descobrir que Theresa perdeu o bebê, e junto com Sandy consegue levar Seth de volta para casa. Ao regressarem a escola os dois descobrem que Marissa e Summer superaram suas idas e arrumaram novos namorados. Enquanto Summer paquera o esportista Zach, sua amiga fica aos beijos com o jardineiro DJ.

Lindsay, uma bela jovem muda-se para a escola do grupo, ficando muito próxima de Ryan.

Caleb afirma que o Grupo Newport está a beira da falência e, para se isolar, nomeia Julie a nova presidente. Sandy descobre que ele estava subornando uma ex-colega de trabalho. Posteriormente é revelado que ela é mãe de Lindsay e a garota filha do poderoso de Newport.

Zach e Seth ficam amigos e começam a trabalhar em uma história em quadrinhos juntos. Summer, nada contente com o fato, fica indecisa sobre com quem ficar, preterindo o atrapalhado filho dos Cohen.

DJ vai embora por compreender que nunca seria aceito pela família de Marissa. A garota, então, se aproxima de Alex, a gerente de uma boate movimentada da cidade. As duas têm um breve caso que chega ao fim com a reaproximação entre Ryan e Marissa.

Beijo Homem-Aranha de Seth Cohen e Summer Roberts, na segunda temporada de The O.C.O casamento de Sandy e Kirsten é abalado após o advogado começar a trabalhar em um caso relacionado com uma antiga namorada, enquanto sua esposa sente-se atraída pelo editor convocado por Julie para montar uma revista para o Grupo Newport.

Julie, após um breve affair com seu ex-marido, é subornada por outro ex-namorado que afirma que mostrará para todos o filme pornô que ela fez quando jovem caso não lhe desse uma grande quantia em dinheiro. Caleb a ajuda e decide pedir divórcio, mas tem um infarto e morre. Kirsten, que já começava a abusar das doses de álcool, se afunda de vez e Sandy a interna.

Trey, o irmão de Ryan, é solto e vai atrás dele, que tenta ajuda-lo, mas o mais velho acaba entendendo mal as intenções de Marissa e tenta estupra-la. Ryan descobre e vai até a sua casa pedir satisfação. Lá eles brigam e Trey está a ponto de matar Ryan quando Marissa pega uma arma e atira nele.

3ª TEMPORADA

Personagens da terceira temporada da série estadunidense The O.C.
Dois meses se passam após o tiro e Trey ainda está em coma, mas ao acordar acaba se culpando pelo que aconteceu e livrando seu irmão de voltar para a cadeia junto da namorada. Enquanto isso, Kirsten ainda não se sente segura de sair da reabilitação, e decide seguir os conselhos de Charlotte, de quem ficara amiga no local, e passar um tempo juntas em sua casa de campo.

Ryan é aceito novamente na escola, diferentemente de Marissa. O novo diretor somente mudaria de ideia tempos depois ao ser descoberto que mantinha um caso com uma aluna, Taylor Townsend, que infernizava (e continuou a infernizar) a vida do quarteto de amigos.

Marissa acaba indo estudar em uma escola pública, onde faz amizade com outras pessoas, entre elas Johnny. O jovem acaba apaixonado por ela e sofre um acidente por conta de Ryan, pondo fim ao seu sonho de ser surfista profissional.

Judie descobre que nada sobrou do império de Caleb, deixando ela e Kirsten sem nada, motivo este que faz com que Charlotte desista de aplicar um golpe na esposa de Sandy. O casal volta a viver junto, enquanto o advogado assume o cargo de presidente do Grupo Newport.

Kaitlin, irmã mais nova de Marissa, volta para passar uns tempos com sua mãe, mas arruma mais confusões para a casa e retorna ao internato.

Johnny se embebeda, confessa seu amor por Marissa e acaba caindo de um penhasco. Este fato, mais a descoberta de que sua mãe começava um novo relacionamento, agora com o Dr. Neil Roberts, pai de Summer, leva Marissa a um novo baque. Ela acaba indo consolar-se com Volchok, um estudante barra pesada de seu novo colégio e que já havia entrado em atrito com Ryan. Este inicia um relacionamento com Sadie, prima de Johnny, que viera para o enterro.

Cena da morte de Marissa na série estadunidense The O.C.Os jovens começam a pensar na faculdade. Seth e Summer pensam em entrar na Universidade de Brown, mas descobrem que apenas um poderá ser aceito no ano. Ryan ainda não decidiu que rumo seguir e acaba preterindo pela favorita de Sandy, Berkeley, e vai trabalhar como estagiário no Grupo Newport.

Summer é aceita em Brown, enquanto Seth decide fazer um curso para artista gráfico. Ryan também consegue entrar na universidade.

Após a formatura, Jimmy aparece e pergunta se Marissa não quer morar com ele, o que prontamente aceita. Ryan decide levá-la ao aeroporto, mas é surpreendido por Volchok, que manda os dois encostarem. Uma perseguição acontece e o carro de Ryan cai do penhasco. Ele está vivo, mas Marissa morre em seus braços.

4ª TEMPORADA

Elenco da quarta temporada da série estadunidense The O.C.
Cinco meses após a morte de Marissa, Sandy e Kirsten não têm notícias de Ryan. O jovem decidiu viver longe, recendo notícias do paradeiro de Volchok por Julie com intenção de se vingar. Seth consegue, junto com os pais, convencê-lo de desistir deste plano e voltar para casa.

Summer, na faculdade, começa a mostra-se indecisa quanto ao futuro de seu relacionamento com Seth. Já Taylor, de quem ficou amiga ao longo da temporada anterior, confessa que casou na França, mas precisa da ajuda de Ryan para desfazer-se do matrimônio.

O casamento de Julie com o Dr. Neil chega ao fim quando ele descobre o que a esposa tem feito nos últimos meses. Sandy encontra Volchok e o coloca cara a cara com Ryan, e avisa que pretende se entregar e que nunca teve intenção de matar Marissa.

Kaitlin volta a morar em definitivo com sua mãe. Ryan e Taylor começam a se aproximar e engatam um relacionamento. O pai do garoto sai da cadeia e decide procurá-lo, e acaba apaixonando-se por Julie. Outro que surge para dar em cima dela é Bullit, um endinheirado texano.

No fim, Newport tem um terremoto, Kirsten, que havia descoberto estar grávida, quase perde o bebê. A casa deles não pode mais ser restaurada, tamanho os danos. Para reaver o problema, Seth e Ryan embarcam para Berkeley para tentar comprar a casa onde Sandy e Kirsten viveram antes de morar em Newport. Depois de muita confusão, incluindo o bebê do casal nascer justamente quando os levaram para rever a casa, os moradores atuais consentem em vender a residência.

Seth convence Summer a voltar para o grupo G.E.O.R.G.E., uma espécie de Greenpeace na série, o qual ela havia desistido. De volta a Newport, Ryan decide ver a casa dos Cohen pela última vez e vários flashbacks vêm à sua cabeça.

Cena do último episódio da série estadunidense The O.C.Cena do último episódio da série estadunidense The O.C.Anos se passam. Summer aparece engajada em seus protestos e casa-se com Seth. Sandy se tornou um querido professor da faculdade de Direito. Taylor que havia ido embora regressa da França. E Julie Cooper, que decidiu ficar sozinha para aprender a viver, se forma na universidade.

E Ryan, que se tornou arquiteto, vê um garoto na rua com o mesmo olhar triste no rosto que tinha e pergunta se precisa de ajuda, da mesma forma como Sandy fez com ele anos atrás. FIM.

Observação - Guia da história

6 comentários:

  1. Eu adorava!Fico arrasada quando as séries boas acabam...me sinto abandonada rs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Putz, nem posso falar nada. The O.C. ainda é minha série favorita (ao lado de Doctor Who agora...rs). Quando assisti ao último episódio deu até um aperto no coração...rs. Beijos.

      Excluir
  2. The OC sem dúvidas foi e é a melhor série de todos os tempos, fez parte da minha vida, e mudou minha vida, nunca esquecerei, sou totalmente apaixonado por essa série, quando acabou eu quase entrei em depressão AHUAHAUHAUHAUHA'
    e hoje 13/09/2012 eu decidi re-assistir a série toda, desde a primeira temporada pra relembrar, e dá um aperto no coração :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, BΔΞ Beta House, obrigado por seu comentário! The O.C. é até hoje minha série favorita, mas ela perde muito o pique na terceira temporada e a quarta eu acho apenas boazinha. Para mim, tudo tem que ter um fim, e The O.C. ainda teve um até digno (embora meio empurrado). Abraço.

      Excluir
  3. OC.. eu passei a aconpanhar esta seri, por conta da minha namo..
    e pq ela era cm nossa historia, eu era mochileiro(levava drogas a bocas de fumo), ela era uma dependente e perdida no mundo apesar de bem de vida cm a "MARISA".
    Eu sempre assisti a seri e tempos depois apos minha namo.. morrer em um acidente de de tranzito junto cm o padrasto dela, eu acabei por ver na net, o fim da "marisa", eu não acreditei cm td se encaixava, ate hj eu nao vj mais OC.
    Mas ainda so fã, das musicas lentas e detales q so OC tem, eu preferi entra cm anonimo, pq ainda e estranho fala sobre isso, fazem 3 ans q a Pamela se foi, hj eu to cm 18 ans e é cm se fosse ontem.
    Acada vz q penso q esqueci cm era minha vida quando ela cmg ainda, eu entro no you toob e vejo retrospectivas de OC, até q minhas mãos começam a tremer cm agr estão. OC NAO É SO UMA SERI,TEM MUITA COISA Q SE RETRATA NESSA HISTORIA, Q SE APLIKA A MT GNT !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É realmente uma história tocante! Obrigado pelo comentário.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...